Ponto da situação

Ao passar hoje o dia na faculdade soube de umas novidades que não estava nada à espera e que veio ainda mais complicar a minha vida nestes dois últimos meses de faculdade.

Vejam vocês mesmos:

  • 17/06/08 – Reunião com orientador do projecto final de curso sobre as últimas novidades;
  • 18/06/08 – Entrega do projecto de SEI com relatório;
  • 19/06/08 – Teste de EAPS;
  • 01/07/08 – Exame de SEI;
  • 04/07/08 – Entrega de relatório do projecto de EAPS;
  • 09/07/08 – Entrega de relatório de projecto de Sistemas Embebidos;
  • 14/07/08 – Exame de EAPS (se quiser ir fazer melhoria);
  • 21/07/08 – Exame de Sistemas Embebidos;

Estado dos projectos:

  • Projecto SEI: 60%
  • Projecto EAPS: 20%
  • Projecto Sistemas Embebidos: 70%
  • Projecto Final de Curso: 30%

Eu sei que à primeira vista parece tudo bem definido mas acreditem, longas noites sem dormir e fins de semana na faculdade me esperam.

Prometo que farei os possíveis para manter os blogs actualizados mas não da maneira que estão agora.

Wish me luck 😐

post

Prioridades

Ando tão ocupado com os meus projectos da faculdade e ainda tenho que fazer a vontade ao cenourinha em mostrar serviço no TugaSport sobre o Euro 2008. Como tal, tenho de cortar em algum lado; aqui e no Tugatrónica faço breves passagens tentando postar pelo menos uma vez ao dia, mas o tempo não ajuda e muitas vezes só me apetece ir mesmo logo para a cama.

O que estou a fazer no TugaSport está a ficar giro, mas já podia ter sido feito antes do Euro. Acontece que as prioridades de então, eram diferentes pois, exames e trabalhos tinham que ser feitos.

Prioridades

Já vamos com 9 dias em Junho e pouco adiantei. Já tenho prazos para entregar os projectos e por isso mesmo estou a ver algumas idas à faculdade durante o fim de semana.

Aproveito e mudo mais uma vez o tema deste blog (para não variar não é?), o outro dava muito trabalho só para postar coisas.

Enfim, só para vos dizer que estou ainda vivo 😕

post

Junho, o mês sem dormir

Se eu pensava que quase não dormia nada este último mês por causa dos trabalhos da faculdade, então o mês de Junho é que não vou dormir de certeza. É o mês das decisões, o mês da entrega dos trabalhos, o mês do café, o mês das noitadas, o mês sem os fins de semana, o mês do tudo ou nada.

Trabalho e mais trabalho

Estou literalmente lixado com F maiúsculo. Para além de estar ocupado com o meu projecto final ainda tenho que trabalhar num sensor de ultrasons a comunicar com o PC para receber a informação da distância dos objectos. E depois para a cadeira de SEI (basicamente automação), trabalhar na melhor forma de enviar encomendas de paletes de leite (os grafcets vão ser tramados). Sem esquecer, simular um robô via Stage/Player para Sistemas Embebidos.

Quem me dera ter um comando como o do Adam Sandler no filme Click e avançar 4 meses 😐

Começo já amanhã a ir à noite para a faculdade. Domingo estou lá todo o dia. Wish me luck…

post

É frustrante não nos ouvirem

Tenho plena consciência que tenho dificuldade em argumentar as minhas opiniões. Não consigo explicar bem as coisas mas, após algum tempo a tentar, consigo passar a ideia.

O que me irrita profundamente é quando essas ideias não são suficientes para as pessoas que teimam em complicar coisas que são simples demais. De que adianta ter uma expressão destas:

Equação

Quando sabemos que a expressão é “1 + 1 = 2” ?

De que adianta estar a fazer um projecto em grupo quando as nossas opiniões não são aceites e mesmo antes de falar sequer, já estão a dizer que não adianta? De todas as minhas justificações as únicas que foram aceites foram aquelas em que davam que pensar, o famoso brainstorming, agora quando se fala de coisas óbvias é para esquecer.

É por isso que sempre preferi fazer projectos sozinho. Ninguém me chateia e se errar, a culpa é exclusivamente minha. Posso andar a pedir opiniões aqui ou ali, mas o trabalho é meu. Agora perco uma tarde inteira, num dia de feriado, a discutir um projecto com colegas e sou relegado para o meu cantinho?

A sorte deles é que sou pessoa de não zaiar por aí e fazer coisas embaraçosas no meio da faculdade. Ai se não fosse isso. Enfim, vamos a ver quem tem razão… 😡

Internet 0 – A Internet das Coisas

Aqui está uma apresentação que fiz para a disciplina de Sistemas Embebidos sobre a Internet 0 – A Internet das Coisas, no qual explico o que é, como surgiu, quais os princípios que definem a IØ, uma pequena análise ao presente e ao futuro, bem como um caso prático, bem como a respectiva conclusão sobre a Internet of Things.

O trabalho foi baseado em dois artigos fornecidos pelo meu professor bem como algumas pesquisas na Internet e duas conferências do MIT que eu e o meu colega vimos em vídeo. Como se trata de uma apresentação é lógico que tínhamos que explicar o que era pelas nossas palavras e por isso podem achar esta apresentação um bocado complicado. Quando tiver pachorra tempo para escrever aqui uma melhor explicação logo escrevo.