CodePlay – The Computer Scientist

Existem pessoas para tudo. Alguém resolveu criar uma música sobre a Programação Orientada a Objectos.

Get the Flash Player to see this content.

Letra:

Classes and objects, instantiation.
What is all this OO about?
Properties, methods, object creation.
How can you figure it out?
For gone are procedures,
We say “I don’t need ya”
Save them for your Pascal and C.
It’s all about objects,
It’s what the the world’s made of
So try your hand at Java or PHP.

Nobody said it was easy
To programme in a whole new way of thinking.
Nobody said it was easy
You will have to rethink the way you code –
And take it back to the start.

To save repetition, avoid duplication
You must try to increase cohesion.
Reduce your coupling –
You’ve got to avoid it
Unless you’ve got a good reason.
When things are connected –
Relate to each other
Programme so you’ll give yourself credit.
So be realistic, yet polymorphistic,
Making sure your classes inherit.

Nobody said it was easy
To programme in a whole new way of thinking.
Nobody said it was easy
You will have to rethink the way you code –
And take it back to the start.

Visto no Fórum Webtuga. (Logo faço update ao link já que o fórum está encerrado até amanhá à noite)

A vingança serve-se nua e crua

Estou eu muito bem a ver os episódios do Firefly quando o louro me aborda no MSN com um link do seu blog onde mostrou, sem dúvida, um momento alto de Jimmy Kimmel quando o apresentador fez um videoclip em resposta ao videoclip da namorada. Jimmy, que pelos vistos tem uma relação de “amor-ódio” com Matt Damon, foi gozado à força toda pela namorada quando esta estava no programa. O vídeo abaixo mostra o que aconteceu:

Mas o apresentador não se fez rogado e logo lançou um contra-ataque espectacular também através de um videoclip que contou com as presenças muito conhecidas por nós. Conseguem ver quem são?

É claro que isto foi tudo uma grande partida mas olha que os videoclips não saíram nada mau 😆

post

Brand X Music, músicas divinais

Brand X Music

Todos nós temos aqueles sites de eleição. Este é um daqueles que não passo um dia sem passar por lá e enquanto estou a navegar na Internet (sem ver vídeos) fico a ouvir profundamente. Sempre adorei instrumentais, músicas épicas e bandas sonoras dos filmes.O Brand X Music, muito à semelhança do Immediate Music, produz só músicas deste género. É das empresas a quem os produtores de filmes, séries televisivas, desenvolvedores de videojogos, agências publicitárias mais recorrem. O catálogo contém músicas compostas pelos compositores John Sponsler, Tom Gire e Chris Garcia e contam com uma qualidade impressionante.

É-me impossível destacar as minhas preferidas, já que gosto de todas, principalmente as da categoria Épica. 😉