post

24 velinhas…

Embora tenha tido pouco tempo para os blogs, não posso deixar de lado uma data tão especial e que marca sempre um gajo Parabéns para mim! Parabéns porque há vinte e quatro anos, a minha mãe trouxe-me ao mundo. Podia tornar este post uma coisa querida e nostálgica e relembrar a infância (agora vinha aquela música gira como nos filmes, a imagem meio tremida e a preto e branco, aparecia eu pequeno).

Este blog tem andado meio parado muito por culpa do Twitter e da falta de tempo que se tem vindo a tornar habitual nestes últimos tempos. Encontro-me neste momento a viver uma grande transição na minha vida, já que finalmente tenho a oportunidade de mostrar as minhas competências numa empresa que apostou em mim e que vou procurar não desiludir. Dito de outra forma, posso dizer que foi como uma prenda de anos antecipada!

Enfim, para o ano há mais. xD

post

1 aninho de vida

É incrível como o tempo voa desde que se publicou um Hello World. Não sei se será da má gestão de tempo, se será falta dele. Tenho observado que desse mal não sou o único a sofrer, pelo contrário, estou acompanhado de uma sociedade inteira que sofre de falta de tempo. Quais as razões para tal sucedido? São tantas. Excesso de trabalho, distância do local de trabalho, prazer no trabalho, preguiça de sair de casa, comodismo, falta de dinheiro, vida agitada, problemas de saúde, isolamento, stress, etc.

1 ano de blog

Mas pronto, lá arranjei tempo para vir cá publicar (thank you google calendar) o artigo anual de parabéns ao blog. Um aninho de vida parece pouco, mas se virmos que 224 artigos foram escritos aqui sem contar com o número de vezes que já mudei e configurei o tema do blog são muitas horas perdidas. Valeu a pena? Sem dúvida que sim.

Enfim, parabéns ao blog pelo 1º aniversário, parabéns a mim por não deixar isto às moscas e parabéns a vocês que apareceram por cá a aturarem os meus textos.