post

Uma promessa por cumprir

Uma promessa por cumprir

Cerca de mês e meio atrás, o Bruno Miguel, um dos bloggers responsáveis pela publicação de artigos no Webtuga, convidou-me a escrever um artigo a relatar a minha experiência com as distribuições de Linux.

Inicialmente, adiei por uns tempos a escrita do respectivo artigo por não me sentir preparado para falar de uma coisa que era (e ainda é) completamente nova para mim. Esse tempo passou e ainda cá estou eu a pensar no que deveria escrever.

Não é todos os dias que uma pessoa é convidada para falar noutro blog que não o seu, especialmente naquele onde supostamente deveria estar à vontade para falar. No entanto, não sou pessoa de faltar à palavra neste tipo de situações e vejoagora que sou parecido com o meu pai neste assunto. Quando pedem para fazer algum trabalho em especial dizemos que fazemos mas, esse dia parece que nunca chega. Não é por fugir aos nossos deveres mas sim, pela coisa do prometer uma coisa e passado várias semanas que aparecer lá já é vergonha.

Portanto, aviso o Bruno que não me esqueci e que simplesmente ando a tentar organizar a minha vida de modo a poder dedicar-me a projectos de faculdade até ao final do mês de Julho. Sendo que, estou nestes dias a resolver as chamadas pontas soltas. Já acabei com as séries de ficção científica (Firefly e Stargate Atlantis), o Sporting acabo no final desta semana, deixei de passar horas no YouTube e estou a passar a deitar-me mais cedo que antes de modo, a aproveitar as manhãs.

Ao mesmo tempo, estou a preparar uma espécie de calendário por onde me vou guiar até ao final deste longo período (inclusivé calendário alimentar e físico). A sério. Estou a querer mudar o meu modo de vida e espero começar este plano esta segunda-feira. De acordo com as minhas previsões, 4ª feira da próxima semana entrego o artigo ao Bruno.

2 thoughts on “Uma promessa por cumprir

  1. Eurico, não sei se na altura te disse, mas não tens nenhum prazo. Quando tiveres tempo, escreves o artigo. Se não tiveres tempo ou não quiseres, não há qualquer problema. 🙂

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *